Incríveis Decorações que Funcionam no Instagram, Mas na Vida Real Não

21/02/2019
Incríveis Decorações que Funcionam no Instagram, Mas na Vida Real Não

Em tempos de redes sociais, em que tanta coisa parece feita para ser fotogênica e “instagramável”, é cada vez mais fácil de se deparar com ambientes incríveis e, ao mesmo tempo, completamente fora da realidade. Muitas vezes, apenas o efeito estético é considerado na decoração. Quesitos como segurança e praticidade são ignorados. A seguir, confira exemplos de decorações que costumam render várias curtidas nas redes sociais – e muita dor de cabeça na vida real.
A designer de interiores Alessandra Castro, do escritório Casa Livre Interiores (SP), comenta as principais ciladas e dá dicas para você ter ambientes lindos sem cometer esses erros.

Confira:

Prateleira de livros usada como cabeceira



Pó e ácaros presentes nos livros prejudicam o sono.


Apesar de bonita, a ideia não é funcional por uma série de fatores, a começar pela higiene. Para manter o local livre de pó, os livros precisariam ser retirados semanalmente para limpeza e, devido à grande quantidade, levaria muito tempo. Além disso, livros tendem a acumular ácaros, o que pode trazer problemas respiratórios para quem dorme no quarto. Outro ponto de atenção é que seria preciso subir na cama para alcançar as prateleiras mais altas – ou então afastá-la e usar uma escada a cada vez que quiser pegar um item lá de cima, sem praticidade alguma. Por fim, a cabeceira da cama é um ponto importante para o Feng Shui. Segundo a teoria, armazenar coisas acima da cabeceira impede que a energia flua livremente no local.  



Plantas no alto de armários



O problema aqui não é a altura em si, já que existe regador extensor para alcançar esse tipo de local. Os cachepots utilizados é que são a grande questão: apesar de lindos, eles acumulam água e tornam a manutenção mais trabalhosa. Isso porque, ao contrário dos vasos com pratinhos, os cachepots não têm vazão para a água.
Além de danificar o próprio objeto, o excesso de umidade também pode causar fungos nas plantas e levá-las à morte. Prefira vasos com pratinho e use areia para absorver a água (cuidado com a dengue!). Quem não faz questão de que as plantas sejam naturais pode recorrer às artificiais ou preservadas, que não exigem tamanha manutenção.


Suporte de plantas sobre mesa  



É fato que fica lindo. Mas um suporte feito de madeira, como o da foto, acaba se danificando com o tempo por conta do contato com a umidade. Além disso, as plantas pendentes exigem manutenção e podas frequentes – ou começarão a encostar nas pessoas à mesa durante as refeições, o que pode se tornar desconfortável. Antes de instalar esse tipo de suporte pendente é fundamental contar com o serviço de um profissional confiável para evitar acidentes como quedas, que podem ferir as pessoas que estão embaixo.



Plantas no quarto



Quase ninguém se lembra, mas plantas acumulam pó e precisam ser lavadas rotineiramente. Portanto, quanto mais folhagens você tiver no quarto, mais tempo precisará dedicar à manutenção delas. Embora não haja um grande problema em manter plantas nesse ambiente (afinal, tudo depende do gosto do morador!), é preciso ter em mente que elas podem atrair insetos e animais como morcegos, especialmente para quem vive em casas ou andares mais baixos de prédios. As espécies mais indicadas para o quarto são lavanda, gérbera, lírio-da-paz, espada-de-são-jorge e jasmim.


Cordão de luz



Ele está na moda e muita gente ama. Os cordões de luz criam ambientes aconchegantes com um ar boho chic e despojado. Embora fique bacana para criar um clima diferente em datas especiais, no dia a dia ele não é nada prático se não estiver instalado em local apropriado. É preciso cuidado porque tudo o que envolve eletricidade corre risco de pegar fogo, especialmente quando colocado sobre objetos que são combustíveis, como papéis e tecidos.



Outro ponto é que se o cordão fica em local onde é muito manuseado, pode gerar atrito e o fio vai descascando o que, por sua vez, leva a pequenos choques. Mas o risco maior é para bebês, crianças e animais de estimação que podem se enrolar no cordão, se ferir e até se enforcar em um acidente. Por isso, se for usar, a dica é instalar em local alto, fora do alcance, onde fique seguro.


Tecidos felpudos na cozinha



O toque é elegante e aconchegante mas, na vida real, já imaginou os farelos de pão caindo nesse tipo de tecido? E molhos, sopas e outros restos de alimentos? O fato é que tecidos muito felpudos acumulam sujeira facilmente e dificultam a limpeza no dia a dia. Prefira tecidos impermeabilizados para esse ambiente, que podem ser higienizados periodicamente de maneira prática. Se for mesmo aderir ao tecido felpudo, use-o aplicado em peças soltas, como almofadas, para facilitar a lavagem.


Livros acima do fogão



Parece óbvio, mas é preciso reforçar: nenhum objeto deve pode ficar acima do fogão a não ser o exaustor ou coifa. Nada de decorativo é recomendável por questão de segurança – já imaginou se um objeto cai sobre o fogo ou uma panela com líquido quente?


Varanda decorada sem fechamento de vidro



Sacadas e varandas bem decoradas são um sonho de consumo, mas convenhamos: quando não há o fechamento em vidro, as tempestades e ventanias podem causar uma confusão no ambiente. É por isso que, para enfeitar esse cômodo sem o devido envidraçamento, é necessário se atentar a uma série de detalhes: deve haver um ralo no chão para escoamento de água da chuva, os móveis precisam ser próprios para área externa aberta (como os de madeira náutica) e os tecidos usados devem ser do tipo aquablock. É superimportante também se assegurar que tudo o que for pendurado nas paredes esteja bem afixado, para evitar que objetos caiam e causem acidentes.


Micro-ondas no alto



Um eletrodoméstico tão prático como o micro-ondas deve estar acessível para facilitar o manuseio dos pratos. Mas muitos projetos desconsideram isso e colocam o micro-ondas em local alto, dificultando o dia a dia, além de poder causar acidentes ao mexer com alimentos quentes.


 

@GLOBOCONSTRUTORA